Militares e empresários articulam impeachment para manter a direita no governo: Bate-papo com Hélio Doyle

No Bate-papo com Hélio Doyle de hoje a conversa foi sobre a entrevista do vice-presidente da República Hamilton Mourão, concedida ontem ao jornalista Roberto D’Ávila, na Globo News, e tudo que ela sinaliza na atual conjuntura política.

Esta entrevista e outras movimentações na Praça dos Três Poderes sinalizam que há em curso uma aliança entre militares e empresariado para articular o impeachment do presidente Jair Bolsonaro, conforme analisa Hélio Doyle.

No “Baú”, o Hélio recordou os tempos de estudante secundarista no CIEM, na UnB, onde teve como colega o playboy Fernando Collor de Mello, que mais tarde viria a ser presidente da República, quase que com a ajuda do nosso renomado jornalista, escritor e consultor em comunicação.

Confira:

4 Replies to “Militares e empresários articulam impeachment para manter a direita no governo: Bate-papo com Hélio Doyle”

  1. É sempre muito bom ouvir as histórias do meu amigo Hélio Doyle .
    Aguardando sexta feira!!!!
    Parabéns , adorei. Abração Jaci

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *